sábado, março 03, 2018

PRIMAVERA



Acordo envolta em medos
Presa nos pesadelos que me invadem
Nas noites mal dormidas,
Em que as horas emudecem
E a paz me foge por entre dedos.

O dia nasce frágil e indeciso
E o azul que por direito
Seria a sua cor
Veste-se de cinzento
E perde todo o seu frescor.


Mas a primavera não demora
E a penumbra do inverno está por pouco.
Nos meus olhos já dançam andorinhas
E o azul e o verde que já brotam
Fazem a paisagem colorir-se, pouco a pouco.


Imagem colhida na net.

17 comentários:

Existe Sempre Um Lugar disse...

Olá, linda imagem, a primavera está a chegar, com ela vem as flores para colorir o envolvente, seu olhos (lindos) vão apreciar as andorinhas e outras aves a voar alegremente em liberdade,
O tempo está feio, sem sol, com vento e chuva, mesmo assim, tenho a certeza que o seu fim de semana vai ser feliz.
AG

✿ chica disse...

Logo,Logo chegam as cores!! Linda poesia! Bjs,chica

Cidália Ferreira disse...

Boa tarde!!

Muitos parabéns pelo brilhante poema!! Amei

Hoje: "Poetizando... " Mar e a lua, fiéis ao nosso amor. (...Poetizando...)

Beijos. Bom fim de semana.

CÉU disse...

Minha querida amiga,

Fico arrebatada com a imagem escolhida, que parece desfocada, irreal, invulgar, mas de cores fenomenais e também com a sua poesia, tão simples, tão natural e tão bonita de se ler e sentir.

Acorda rodeada de medos. Porquê? Não gosta do inverno, nem do tempo que se tem feito sentir no seu Algarve? Nem eu, mas estamos no Hemisférico Norte.

Freud dizia que os pesadelos eram situações mal resolvidas ou nunca resolvidas. E se fosse à "luta"?
Assim, nesse estado, há solidão, silêncio e palavras, só internas.

Os dias têm várias cores, se reparar. Às vezes, amanhece cinzento, mas depois lá vem um azul ténue e que feliz ficamos!

Penso que a primavera virá sem que a esperemos. Assim tem mais sabor. Os seus olhos já estão vendo cenários de encantar e a sua tristeza, medos, silêncios irão dissipar-se.

Informo, minha estimada amiga, que durante uns tempinhos estarei ausente dos blogues, visto que a minha mão esquerda vai ser submetida a uma cirurgia, portanto precisa de repouso e não pode escrever. Logo k possa, voltarei. Combinado?

Beijinhos e dias cheios de cor e amor.

A Casa Madeira disse...

Oi Maré, como vão as coisas desse lado de cá...
E a penunbra do inverno daqui a pouco chega por aqui...
Mais um belo poema.
Abraços.

Poções de Arte disse...

Maravilhoso!!!
Graças a Deus que o cinzento nunca dura e as cores sempre chegam!!!
Não há noites sem dias, inverno sem verão, outono sem primavera...
Por aqui, o Outono se anuncia muito antes do previsto - minha estação favorita!
Lindas palavras e bela imagem.

Abraços esmagadores e feliz dia.

piedadevieira disse...

Aqui está a chegar nosso lindo outono! Mas, viva a primavera!bjs

Maria Rodrigues disse...

E com a primavera o céu veste-se de azul e tudo tem mais cor, até a nossa alma.
Lindo poema.
Um abraço
Maria de
Divagar Sobre Tudo um Pouco

Existe Sempre Um Lugar disse...

Olá Amiga, desejo que tudo bem esteja consigo e que o fim de semana seja de enorme felicidade com sorrisos encantadores.
AG

Mar Arável disse...

Belos todos os apeadeiros

CÉU disse...

olá, minha querida amiga...

como está... eu, razoável.

grata pela sua visita, votos e simpáticas palavras.

a cirurgia a mão correu bem, mas ainda está com penso e mais penso e os pontos, alguns, talvez sejam amanhã tirados. estou a escrever só com a mão dta. e assim não posso fazer maiúsculas, nem alg. sinais de pontuação e é cansativo, desconfortável.

espero k esteja bem e feliz.

penso postar dia 21, DIA MUNDIAL DA POESIA. e a minha amiga, vai deixar passar esta data em branco...

beijinhos e um grande abraço.

Existe Sempre Um Lugar disse...

Olá, já regressou das ferias ou continua? de qualquer modo, desejo-lhe um feliz fim de semana ou uma boa continuação das ferias.
AG

alfacinha disse...

Gosto muito do poema
Abraço

Maré Viva disse...

Meu caro "Alfacinha" belga, fico muito grata pela tua visita e pelo simpático comentário, mas também fico muito frustrada porque nunca consigo entrar nos teus comentários para deixar o meu! Falta de conhecimentos nesta área, presumo, mas acredita que lamento muito, pois queria retribuir a tua simpatia.
Clicando em baixo do texto que mencionas, não abre qualquer janela.
Acredita que tentei!!
Deixo um abraço.

CÉU disse...

olá, minha querida amiga, mais k maré viva -rs...

espero k esteja bem e serena. já passeou, pke li essas suas afirmações, algures, mas ainda não está nos seus dias -rs. ora, caos... nem pensar. há tanta coisa bonita para vermos e apreciarmos. não ligue aos contratempos, pois eles irão embora, tal como chegaram.

ri-me imenso qdo me pediu k lhe enviasse inspiração para o dia 21. eu já fiz o poema, k irei postar, antes da cirurgia a mão, mas já o alterei n vezes.

de si, minha linda, espero um poema com princípio, meio e fim, com imensa sensibilidade e com tudo o que nos predispõe para a vida, para a alegria e para a felicidade.

estive a olhar de novo a imagem e fiquei leve, assim com o uma ave e no olhar tanta cor...

beijinhos e uma vasto abraço. bom fim de semana.

Cidália Ferreira disse...

Para o quatro cantos do Mundo : PÁSCOA FELIZ.

Beijinhos e um doce, e feliz dia de Páscoa.

Fá menor disse...

E deixa que bailem as andorinhas no teu olhar! E o teu mundo sorrirá de sol e azul e mar...

Beijinhos!

Rosas

Rosas
Especialmente para ti, amigo visitante

Arquivo do blogue