quinta-feira, setembro 22, 2011

FUGA


É na garganta
que as palavras se atropelam
e as perguntas se debatem
na ânsia de ser feitas,
é lá que tudo se enovela
e um nó de muitas pontas se agiganta
me toma por inteiro e me sufoca

Sorvendo o ar em goles diminutos
mergulho no caos da incerteza
e busco a minha essência
num regresso às origens mais profundas
que procuro sem cessar nas escuras águas
da minha inconsciência.

Sou de novo um embrião
que busca nesse fluido acolhedor
o calor e a segurança que a vida me roubou.
E adormeço, sentindo que sou parte dessa água
onde flutuo, e que o tempo já vivido
não passa de uma sombra que se esfuma.

Imagem colhida na net

22 comentários:

José disse...

Olá Baby!
Lindo poema,é verdade é, na garganta que as "palavras se atropelam" e tantas vezes que elas querem sair, e nós temos que as engolir.
Lá no meu canto deixo sair muitas, mas podiam sair muitas mais.

Bom fim de semana para ti,
beijinho,
José.

São disse...

Um poema que vem muito a propósito, para mim, em 22/9.

Um abraço

Vanuza Pantaleão disse...

Baby, querida!
Flutuo nas águas da tua poesia, versos que me acalentam a alma.
Grata pela sua sempre bem vinda presença nos nossos espaços!
Um domingo poético, amiga!Beijos!

retrato disse...

tempos vividos são momentos do passado que, como dizes, se esfumam mas, é deles que as palavras têm origem e nos afogam de ansiedade e de incertezas que o futuro nos reserva.
a poesia tem esta beleza. a poesia mostra o presente que vive em nós.

bj...nho

Nascente disse...

Querida Baby,

A vida é um ciclo. Sempre precisamos "voltar" às origens para obtermos as respostas que por vezes perdem-se na turbidez das águas.

Belíssimo poema! Voltaste ainda melhor.

Beijos, minha querida!

I.

Manuel Luis disse...

Engolir as palavras para quê? São tão bonitas!
Adormeço com um abraço.

Evanir disse...

A vida é magia e encanto.. é preciso preservar a beleza dos nossos corações.
Saber olhar com pureza de alma respirar como se nascêssemos a cada instante!
A felicidade e a Magia é algo, que entra em nossas vidas, com total explêndor.
Um feliz e abençoado Domingo
Bjs com eterno carinho.
Evanir
Foi um prazer enorme conhecer seu blog.
Estou seguindo seu blog deixando convite para conhecer o meu com muito carinho.

Patricia disse...

amiga, siempre es una maravilla recorrer tus palabras.

un abrazo fuerte!

BlueShell disse...

Gostei muito mesmo.
Bj

Mar Arável disse...

Quando as palavras respiram

por guelras

Um brasileiro disse...

Ola. Muito legal. Apareça por la. Abraços.

C Valente disse...

Um poema maravilhoso
Saudações amigas

Canto da Boca disse...

Esse nós que quase estrangula, que impede de um maior aprofundamento nas perguntas... Que desafia o reencontro com a própria essência.

Beijos, Baby!

tulipa disse...

OLÁ AMIGA

Viste no Facebook
sobre a HOMENAGEM
que vão fazer ao AMIGO de LAGOS?
Eu vi e já "partilhei"
a notícia na minha página.
Bem merecida.

Vês que...
quando queres...
arranjas inspiração
e sai um belo post...?

Gostaria de te fazer um desafio.
...
depois logo te digo.

para os meus lados...
de quando em vez também vou "buscar" uma poesia e...
é o que ofereço hoje.

Tenho sempre tantos assuntos para os posts que algum fica para "depois"!!!

Gostaria que acompanhasses a minha viagem de Agosto passado,
neste momento estou a fazer
o post sobre BASTIA
no norte da CÓRSEGA.
...e a viagem continuará no MOMENTOS PERFEITOS.

No outro blog "Deabrilemdiante" tenho uma rubrica que há algum tempo não aparece:
associar um poema a uma imagem da minha autoria.
Decidi apresentar uma imagem que serviu para o 3º tema,
juntamente com
um poema de CORA CORALINA.

Como o 3º tema do Raid era:
"UM OLHAR SOBRE O QUOTIDIANO"
Vem espreitar!

Boa semana.
Beijinhos.

Secreta disse...

É na garganta que se atropelam palavras , com perguntas e duvidas que querem ser expressas...
Beijito.

Nilson Barcelli disse...

Uma viagem de regresso às origens maternais.
Feita num excelente poema. Gostei imenso, parabéns.
Querida amiga, tem um bom resto de semana.
Beijos.

Maria Alice Cerqueira disse...

Querida Amiga
Abraço amigo de muito boa tarde!
Hoje vim falar um pouquinho desta palavrinha magica que e a amizade.
Pois;
Amizade é um laço fraterno que vai se conquistando pouco a pouco.
Amizade é um elo de Amor que vai se fortalecendo dia apôs dia.
Amizade requer uma sabedoria toda própria, para que ela cresça e amadureça.
Amizade é um sentimento de Amor que é perseverante nela mesma.
O que seria de nós sem este elo de Amor!
A amizade
Abraço amigo
Maria Alice

C Valente disse...

Muito belo
Bom domingo com as saudações amigas

mixtu disse...

uma busca de um tempo num tempo...

viagens... sombras...

um caminhar... caminhando
questionando...

abrazo serrano

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo poema...Espectacular....
Cumprimentos

mixtu disse...

um embrião...
de novo....
buscando...
adormeço...
oiço voz materna...
flutuo...


abrazo serrano

Secreta disse...

Olá... vim fazer uma visita, tentar saber de ti...
Um beijito.

Rosas

Rosas
Especialmente para ti, amigo visitante

Arquivo do blogue